Ed Sheeran ficou no primeiro lugar entre as preferências dos usuários do Spotify em 2017, com 6,3 bilhões de reproduções. Ele também fechou o ano como autor da canção (“Shape of You”) e do álbum (“Divide”) mais ouvidos.

A plataforma de streaming de música informou nesta terça-feira que hip hop e música latina foram os gêneros predominantes nos últimos 12 meses.

O panorama internacional esteve dominado, mais uma vez, pelos artistas que cantam em inglês, com destaque para o segundo lugar do rapper canadense Drake, após ter sido o número 1 em 2015 e 2016.

O top 5 tem o também canadense The Weeknd, o rapper californiano Kendrick Lamar e o dueto nova-iorquino de DJs e produtores The Chainsmokers.

Nenhuma mulher figurou nos primeiros postos, com Rihanna ficando novamente como a mais ouvida no Spotify, à frente de Taylor Swift, Selena Gomez, Ariana Grande e Sia.

Superando Imagine Dragons e Maroon 5, o Coldplay apareceu como o grupo com mais reproduções, em parte pelo sucesso da sua canção com o Chainsmokers “Something Just Like This”.

A música foi a quarta mais escutada em 2017, um posto acima de “I’m the One”, do DJ Khaled com Bieber, Quavo, Chance the Rapper e Lil Wayne.

Embora “Despacito” não tenha conseguido superar “Shape of you” (a canção mais popular da história de Spotify com 1,4 bilhão de reproduções), ela ficou na segunda e terceira posições graças às duas versões em circulação, a que foi gravada junto com Justin Bieber (em segundo lugar) e a original (em terceiro lugar).

Por último, no que se refere a discos, as 3,1 bilhões de reproduções de “Divide” o colocaram na frente de “More life”, de Drake, “DAMN”, de Kendrick Lamar, “Starboy”, de The Weeknd e “Stoney”, de Post Malone.

G1